segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Qualquer ferida.

Sensação estranha a de passar do amor ao ódio numa só troca de olhares. Sensação muito estranha. Como se um sopro de fumaça ficasse no lugar de todo o ar puro dos meus pulmões. Na verdade, como se um sopro de ar puro ocupasse meu pulmão sujo de cigarros amargos e amassados.

Escrever cura, eu sei disso. Sentir raiva não faz bem. Também sei. Eu quero os dois. Eu escrevo pra ajudar a extravazar. Mas quero sentir raiva. Quero conseguir manter longe. Acho que isso curaria mais ainda. Qualquer ferida.

3 arquitetura(s) alheia(s):

EU SOU NEGUINHA disse...

Neste novo ano...
seja fã da verdade,
e fiel aos seus passos.
Adoce sorrisos !
Leia olhares...
Seja um pouco anjo,
um pouco mágico.
Ame simples e sonhe sempre!!!
beijos, feliz 2010 =)

Denise disse...

Acho........
(tenho fugido de certezas)
que é preciso sentir para exorcizar.
Um ano de desejos realizados
De

p.verde ;) disse...

escrever sempre ajuda a extravazar, pra isso que eu uso meu blog :) gostei :*

Design by Dzelque Blogger Templates 2008

Arquiteto de Emoções - Design by Dzelque Blogger Templates 2008